09
Set 10

David só me conseguiu arranjar bilhete para a Quarta da semana seguinte, e eu já estava a caminho. O meu pai não reagiu muito bem mas quando ele disse que melhorava  a minha nota de final de curso, concordou. A minha mãe disse que era uma boa experiência. Ela ainda não sabia o que David me tinha feito. Ninguém sabia, a não ser o meu núcleo de amigos mais próximos. O David acompanhou-me até ao aeroporto, cheguei a conclusão que eu e ele sentíamos a mesma coisa e a despedida foi dolorosa, nunca pensei que fosse assim. Na despedida, dei a minha parte fraca, beijei-o e disse que o amava. Larguei a mão dele e chorei. Mas não interessa, agora era em Amesterdão que me devia concentrar. Sai da zona de chegadas e Effy estava à minha espera.
-Oh my God! You look like shit! What’s wrong with you?
-Stuff... Can we go?
-Yeah! The guys are waiting for you! And we have some shits for you.
-What?
-You know me.
-Effy, I leaves all that.
-You are in Amesterdam and with me. What were you waiting for?
-Ok, we talk about that later. Where do we go?
-Camping to a park. Gobblers End do you know?
-Not really.
-You will love.
-I hope so.
-Cigarette? – Era isto que não gostava na malta que conhecia em Amesterdão, eram todos assim mas já sabia o que se ia passer.
-No, thanks.
-Are you sure?
-Yeah.
-Are you the Cat I met two years ago?
-No, I’m different.
-So... Take it. I want my Cat back, not this little piece of hell.
-Ok... – Agarrei no cigarro e fumei. A semana ia ser longa. E de certeza que não me ia lembrar de metade do que iria fazer. – I just need one favour from you?
-What?
-I don't want to involve with anyone.
-Ok... And, if Joshua...
-I’m fucking! – Effy olhava para a minha mão.
-Oh my fucking God! Are you engaged?
-I think so.
-He betrayed you?
-No, but a girl is trying to separate us.
-And you?
-I run way?
-Are fucking stupid?
-I need to think. Let’s go. I want to have fun.

Chegamos ao acampamento uma hora depois, lá estava o Joshua um rapaz com quem eu já tinha tido um relacionamento, não passava de um idiota. Hannah e Tom estavam lá também, eram simpáticos mas ambos doidos. A tarde foi só de conversa, estranhei a Effy não estar lá mas também não me importava, devia estar a fazer qualquer coisa, nada boa.
-Cat, what happened to your hair?
-Why?
-Is different.
-This is my colour.
-But, I like more the blond.  
-Me too. I miss this live.
-Hi, Hi, Hi!! I have magic mushrooms!
-Oh! Cool!
-I can’t.
-Why?
-‘Cause I’m changed!
-Cat, What happens in Amesterdam stays in Amesterdam. – Cada vez que vinha a Amesterdão era assim. Era uma miúda ainda quando o meu primo me apresentou a Effy e depois cada vez que vinha metia-me nestas coisas. Cogumelos, drogas e cigarros. Não era algo que tinha orgulho mas só vinha a Amesterdão quando estava mal.
-Ok…
Comi apenas um, não queria confusões. Joshua estava já doido, já sabia o que vinha a seguir.
-Hi Cat.
-Bye Joshua.
-Come on! Do you miss me?
-No. – Joshua começava agarrar-me e a puxar-me para seu lado.
-Just a little. It'll be fun!
-No! – Sai dali e fui dormir para tenda. Sentia-me tonta. Talvez o melhor era sair amanhã e ir para a casa do meu tio.
                                                                            *
-Effy, let’s go. – Tinha convencido a Effy a vir comigo. Ficou desiludida mas acho que já tinha entendido que eu tinha mudado.
-Ok! Goodbye guys! Kisses!
-Goodbye Cat!
-Goodbye!
-We go to the city?
-Yes! To my uncle’s house!
-Ok. Party?
-No party!
- Boring!!
-I just want
-I just want to be calm, think what I’m going to do.
-About what?
-David.
-Cat, do you want my advice?
-Yes.
- Go to Portugal! If you love him why are you doing this? You may be losing your big love. – Effy embora doida sabia o que era o amor. O seu grande amor tinha morrido à dois anos. Nunca mais foi uma rapariga “normal”. Meteu-se em drogas e passou a ser doida, mas no fundo no fundo não deixou de ser a mesma pessoa.
-Do you think?
-Yeah!! Come on! Let’s go to the airport! – Effy parava o carro na estrada e mudava o sentido. Ouvíamos buzinas por todo o lado. Ela tinha razão. Não podia deixar escapar o meu grande amor, o meu verdadeiro e único amor! Chegamos ao aeroporto e fomos directas à procura de bilhetes. Não importava em qual era a agência. Eu só queria ir. Nem queria acreditar no erro que cometi, fugir é sempre pior, nem o devia ter feito.
-Yes, we have. The cheapest ticket costs 400 euros.
-Ok! Perfect. – Dei o meu cartão e esperei pelo bilhete.
-The flight is at nine o'clock.
-Thank you! – Era ainda seis horas. Dava tempo para falar com Effy.
-Thanks Effy. Without you, maybe I had not noticed. I love him, a lot. Why am I here? What am I doing here? I’m so stupid.
-No, you are just new. If I have Jonh here I would always be with him. Don’t ruin your relationship.
-Thank you! Thank you! You are right. I’m sorry – Effy chorava, embora já tivesse passado dois anos ela não esquecia Jonh. Perguntava-me o que aconteceria a David se eu me tivesse matado. Fui injusta, não pensei nele. Ele é que importa.
- You don’t need to apologize. Go away. He is waiting for you!
-Thanks – Dava-lhe um beijo e agarrava na minha mala para ir fazer o Check-in. Estava ansiosa para chegar a Portugal. Aprendi uma lição valiosa, nada me ia afastar do David.

 

 

(Se repararem em algum erro, digam :D)

 

Passo a explicar o erro de Londres-Amesterdão. No inicio tinha posto Londres mas como numa fan fic estava Londres também decidi alterar. Pensei que já tinha alterado tudo mas ainda ficou algumas partes a dizer Londres. Nem sequer alterei o nome do parque, não me apeteceu. Eles falam inglês porque a Catarina vai estar todo o tempo com amigos ingleses em Amesterdão.

publicado por acordosteusolhos às 22:17

comentários:
ai ,este capítulo está tão lindo, só mais um, só mais um hoje Cat por favor, por favor
Beatriz a 9 de Setembro de 2010 às 22:29

Adoro a tua fic, a sério!

Não me leves a mal, mas Londres não é suposto ser em Inglaterra?? É que Amesterdão é na Holanda...
(Fiquei um pouco confusa xD)

Inspiraste-te nos Skins :p

Beijinho
AdrianaM a 9 de Setembro de 2010 às 22:31

Não percebi a parte de ser em Londres e Amsterdão :S
Mas adorei na mesma. Posta hoje outro pf. Please!!!! Eu preciso disto. Não imaginas como me sinto melhor com a tua fanfic. É como se eu pudesse viver no lugar da Cat e estar com o David. É algo inexplicavel mas faz-me sentir melhor. Eu choro pelo David :S :( I love him.
Anónimo a 9 de Setembro de 2010 às 22:36

Confusa na mesma, desculpa. Tu dizes "Eles falam inglês porque a Catarina vai estar todo o tempo com amigos ingleses em Londres" mas antes dizes que no início tinhas Londres e alteraste para Amsterdão.
Anónimo a 9 de Setembro de 2010 às 22:49

Em Amesterdão, não alterei...

Adorei este capitulo! Foi uma boa lição para a Catarina! Agora é esperar que ela e o David façam as pazes! *-* Beijinhos
- Sara a 9 de Setembro de 2010 às 23:01

adorei a maneira como incluiste aí skins.

anyways, adorei espero pelo proximo. beijo
Jane a 9 de Setembro de 2010 às 23:08

adorei...
posta outro hoje por favor... please!!!
joaninha a 9 de Setembro de 2010 às 23:12

Mete outro hoje vá la.... Esta a ficar cada vez melhor, mas quero que façam as pazes xD
Beijinhos, espero pelo proximo capitulo
Anónimo a 9 de Setembro de 2010 às 23:44

mais sobre mim
arquivos
2011

2010

arquivos
2011

2010

Música da Mena
Deixo aqui a nossa GRANDE cantora do chat, a Mé :b
Agradecimentos
Queria agradecer a todos que lêem a minha fan fic. Queria também agradecer ao blog http://23davidluiz.blogspot.com/ por publicar a minha fan fic e também ao blog http://david-luiz-fans.blogspot.com/. Muito obrigada a todos *
Críticas
Façam comentários com críticas, sejam elas positivas ou negativas. É com os erros que se aprende ;)