26
Ago 10

-David, David… Acorda… Deixamo-nos dormir aqui, vem. Vou-te levar para a cama.
-Não, eu levo você na cama – dizia ele, ainda com os olhos fechados e a bocejar – Eu durmo no sofá.
-Não, não dormes nada no sofá. Eu durmo no sofá!
-Não, já disse que durmo eu no sofá e eu sou o dono da casa, eu decido.
-Dormes comigo.
-Hã?
-Somos namorados certo?
-Certo, mas você disse que não queria…
-Sim, porque ainda não estou preparada. Mas posso dormir a teu lado.
-Ok. Percebi. Pósha, vocês são complicadas.
-Vocês?!
-As mulheres…
-Mau!
-Mau? Porquê mau?
-Não te vou dividir com ninguém, só para ficares a saber.
-Olha, fica já sabendo que eu também não quero. Agora, vamos dormir? Quero-te levar a tomar um pequeno almoço amanhã e não a um almoço logo!
-Aí! – o David tinha me agarrado.
-Que foi, não gosta de ser levada ao colo?
-Eu gosto, não estava era à espera. – Soltamos ambos uma grande gargalhada.
-Pshiú… Olha os teus vizinhos…
-Não se preocupe, eles têm medo de vir falar com o “David Luiz” – Dizia-me, sussurrando ao meu ouvido.
-Porquê?
-Sei lá, eu digo “Bom dia” e muita das vezes ficam embasbacados…
-Ai, mas isso é por seres muito bonito!
-É, então não te posso mostrar aos meus vizinhos.
-Porquê?
-Se comigo eles ficam assim, contigo têm um ataque cardíaco.
-Ah-ah que engraçadinho. Vá leva-me para cama mas é!
-Como a senhorita quiser!
O quarto do David era muito simples e a partir da janela conseguíamos ver uma das coisas mais feias em Lisboa.
-David, como é que consegues viver aqui?
-Eu sei, mas a casa é boa…
-Sim, é muito gira mas consegues ver o estádio do Sporting.
-Isso resolve-se, baixa-se o estore.
-Ah, sem duvida, muito melhor! Tens uma blusa que me emprestes?
-Sim, sim… Achas que esta dá?
-Sim…
-Olha, eu vou sair para você se vestir à vontade…
-Ok… - estranho ser o David a dizer-me aquilo. A verdade é que não me iria sentir muito à vontade mas tudo iria melhorar. Vesti-me depressa e ouvi o som da porta a bater.
-Podes entrar David.
-Então vamos dormir?
-Vais dormir vestido?
`-Eu só gosto de dormir de boxers e como vais dormir aqui e podes não te sentir bem…
-Não, podes ficar como quiseres…
-Não te importas?
-Não…
Acho que parecíamos dois parvinhos a discutir isto, parecíamos dois antiquados mas não era para menos, afinal, tínhamos nos conhecido à poucas horas e não nos iríamos sentir à vontade como os casais que se conhecem à anos…

publicado por acordosteusolhos às 16:06

mais sobre mim
arquivos
2011

2010

arquivos
2011

2010

Música da Mena
Deixo aqui a nossa GRANDE cantora do chat, a Mé :b
Agradecimentos
Queria agradecer a todos que lêem a minha fan fic. Queria também agradecer ao blog http://23davidluiz.blogspot.com/ por publicar a minha fan fic e também ao blog http://david-luiz-fans.blogspot.com/. Muito obrigada a todos *
Críticas
Façam comentários com críticas, sejam elas positivas ou negativas. É com os erros que se aprende ;)